APARTE 006 – “O Direito não é uma ciência exata??!!??!”

Saudações pessoas: nesse APARTE, Gabriel discute a questão de que não, não – definitivamente não: você não pode “falar qualquer coisa” escorado(a) na ideia de que o Direito é muito “subjetivo”. Existem coisas que só são defensáveis mediante fraude, sofisma ou perversão total de um fluxo ou vetor que está dado. PS: Proibido cachorros na sala cirúrgica!

#263 – FREESTYLE DA DESGRAÇA

Saudações pessoas! Nessa semana corrida Carapanã e Gabriel Divan se juntam para comentar todos os fatos insólitos que assolaram nosso sofrido Brasil. Falamos da viagem do Fungo Presidencial® à Rússia, da peraltice jurídica do Movimento Boquinha Livre, da absurda tragédia em Petrópolis, do chorinho do menino Caloi e da maravilhosa e muito estimada Família Real Brasileira. Clica aí que deu bom!

Dicas Culturais

(Álbum) Macaco Bong – Mondo Verbero

(Filme) Casa Gucci

– –

Escute o Vira no seu agregador de podcasts preferido, em serviços de streaming como o Spotify (abaixo) ou diretamente do site do feed – podendo fazer download do mp3 se preferir em viracasacas.libsyn.com

– –

Expediente

Pai-Fundador: Felipe Abal

Apresentação: Gabriel Divan e Carapanã

Capas: Gui Toscan

Edição de Áudio: Thiago Corrêa & Estopim Podcasts

EH VÁRZEA #032 – A Palavra com N

Na coluna de hoje vamos refletir sobre como autointitulados “liberais” e devotos do “austro-libertarianismo” normalizaram coisas como o nazismo e o fascismo. Também vamos explicar que isso não é um acidente de percurso, mas um processo contínuo que vem desde o período entreguerras mundiais.

Referências
Liberalismo e Nazifascismo possuem mais afinidades do que você imagina
Viracasacas #40 – Liberalismo Conservador
Viracasacas #240 – Mont Pelèrin e as Origens do Neoliberalismo
Viracasacas #244 – Nazismo Chinelão

#262 – Desmonetizando a Mentira – com Leonardo Leal e Tesoureiros

Saudações pessoas! Nesse episódio recebemos Leonardo de Carvalho Leal, fundador do Sleeping Giants Brasil, e o internauta Tesoureiros para uma conversa sobre mídia, desinformação e DINHEIRO. Começamos discutindo o tamanho da indústria de fake news e como ela se formou. Falamos sobre a fundação de sites de jornalismo conservador com um viés extremado até o surgimento e difusão de diversas “mamadeiras de piroca”. A desinformação não é apenas usada para conquistar e consolidar o poder mas também, graças ao Vale do Silício, se tornou parte de uma indústria altamente lucrativa. Discutimos também a fundação do SGB, seu sucesso meteórico, como ele se tornou parte de um movimento muito mais amplo de discussão sobre a o apoio empresarial e a monetização de conteúdo de desinformação e ódio.

Dicas Culturais

(Livro) Engenheiros do Caos

(Série) Na Rota do Dinheiro Sujo

(Artigo) The Pioneers of the Misinformation Industry

(Filme) White Boy Rick

(Anime) Yu Yu Hakusho

– –

Escute o Vira no seu agregador de podcasts preferido, em serviços de streaming como o Spotify (abaixo) ou diretamente do site do feed – podendo fazer download do mp3 se preferir em viracasacas.libsyn.com

– –

Expediente

Pai-Fundador: Felipe Abal

Apresentação: Gabriel Divan e Carapanã

Capas: Gui Toscan

Edição de Áudio: Thiago Corrêa & Estopim Podcasts

#261 – “NFT” – com Cris Vector e Startup da Real

Saudações Pessoas! O Viracasacas dessa semana recebe Cris Vector e Startup da Real para uma conversa sobre otários, malandros e NFTs! Se as criptomoedas parecem ter sido criadas sob a premissa de “como fazer um dinheiro ainda mais de mentirinha” o NFT parece uma mistura entre cripto sacanagem, esquema de pirâmide, lavagem de dinheiro e uns gif maneirinho. Discutimos o que isso representa dentro das pirações do Vale do Silício, que acha que vai resolver todos os problemas do mundo usando blockchain, e as promessas frequentes de ganhos fáceis. Falamos também como a venda de NFTs tem impactado (negativamente, claro) milhares de artistas que têm suas obras colocadas para a venda em catálogos de NFT sem que haja qualquer permissão. Isso derruba a falácia recorrente de que NFT teria algo a ver com mecenato ou que seria uma maneira relativamente fácil de que artistas ganhem dinheiro. Nada mais típico do zeitgeist dessa década arrombada que uma picaretagem desse nível. No passado, pra um golpe acontecer, o malandro e o otário precisavam  sair de casa. Nesses tempos de 5G, nem isso.

Dicas Culturais

(Filme) Nomadland

(Documentário) Saída pela Loja de Presentes

(Podcast) NTBN #86 – Perdeu Tudo em NFT!

(Podcast) Freakonomics #484 – The Hidden Side of the Art Market Part 1

(Podcast) Freakonomics #485 – The Hidden Side of the Art Market Part 2

(Podcast) Freakonomics #486 – The Hidden Side of the Art Market Part 3

(Video) Cat Graffan – NFTs (are worse than you thought)

.Siga Cris Vector no Twitter e no Instagram

.Siga Startup da Real no Twitter e no Instagram

.Leia Esse Livro Não Vai te Deixar Rico

– –

Escute o Vira no seu agregador de podcasts preferido, em serviços de streaming como o Spotify (abaixo) ou diretamente do site do feed – podendo fazer download do mp3 se preferir em viracasacas.libsyn.com

– –

Expediente

Pai-Fundador: Felipe Abal

Apresentação: Gabriel Divan e Carapanã

Capas: Gui Toscan

Edição de Áudio: Thiago Corrêa & Estopim Podcasts

#260 “Ucrânia” – com Frank de Paula

Saudações Pessoas! Nesse episódio recebemos o historiador Frank de Paula para uma conversa sobre a Ucrânia. Começamos discutindo o Euromaidan, retratado pela mídia ocidental como uma “revolução democrática” mas que, na realidade, foi um levante através do qual diversas organizações fascistas e até nazistas se consolidaram como milícias paramilitares. Consideramos as questões geopolíticas e econômicas por trás do Euromaidan e como ele resultou numa escalada de tensões entre a Ucrânia e a Rússia. Com a invasão da Crimeia pela Rússia de Putin e a tentativa de separatismo de regiões etnicamente russas a Ucrânia mergulhou num conflito civil, que acabou por mobilizar voluntários de outras partes do globo. Mais do que isso, o conflito passou a ser usado como uma espécie de exemplo ideal de uma “revolução fascista” por membros da extrema direita mundo afora (daí o “ucranizar” do neofascismo brasileiro). Enquanto isso a Ucrânia passava por um processo de oficialização das milícias de inspiração nazista enquanto o Estado passava a celebrar a colaboradores do nazismo e promotores de genocídio contra judeus e poloneses como se fossem heróis nacionais. Ao mesmo tempo discutimos como a guerra tem sido lucrativa para diversos membros da elite ucraniana, que por sua vez colaboram financeira e politicamente com as milícias fascistas. Essa reedição das estratégias insurgentes no Afeganistão tem tudo pra voltar e explodir no rabo das potências da OTAN num futuro não muito distante.

Referências

(Podcast) Pistolando #79 Ucrânia

(Podcast) Pistolando #91 Ucrânia, aqui me tens de regresso

(Live) Ucrânia: Euromaidan e a Ascensão do Fascismo

(Artigo) Sin votos pero con cotos. La ultraderecha en Ucrania, 2014-2020

(Artigo) A extrema-direita ucraniana – e o perigo que ela representa

(Artigo) A CIA está municiando o terror neonazista na Ucrânia

(Twitter) Edouard Dolinski

Dicas Culturais

(Jogo) Kenshi

(Jogo) The DarkSide Detective

(Série) We Are Who We Are

(Jogo) Metro Redux

– –

Escute o Vira no seu agregador de podcasts preferido, em serviços de streaming como o Spotify (abaixo) ou diretamente do site do feed – podendo fazer download do mp3 se preferir em viracasacas.libsyn.com

– –

Expediente

Pai-Fundador: Felipe Abal

Apresentação: Gabriel Divan e Carapanã

Capas: Gui Toscan

Edição de Áudio: Thiago Corrêa & Estopim Podcasts

Acima ↑