APARTE 007 – “Juiz(a) protagonista”?

Nesse episódio, Gabriel tenta de uma vez por todas explicar a vocês porque não é uma boa ideia dar o protagonismo processual para o juiz(a), e porque não, definitivamente não, mil vezes não!, juiz(a) que vai em busca de elementos para dar – supostamente – uma decisão mais condizente com a “verdade” é menos eficiente e bacana do que parece…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: