APARTE 013 – “A Mãozinha Invisível que toma sua casa”

Projeto de Lei relativizando a proteção do imóvel de residência familiar como garantia de empréstimo? Tem! Possibilidade de dar uma cascata de desgraça e inadimplência? Tem também! “Ah, mas tem as GESTORAS DE GARANTIA no Projeto!” – me engana que eu gosto.

Aqui é Brasil, queremos um escândalo das SubPrimes para chamar de nosso!

APARTE 012 – “Lula livre…mas iNOceNtaDo?”

A discussão sobre o status  jurídico do ex-presidente saiu dos dois chorões da (finada) Lava Jato e veio parar direto no papo de um dos presidenciáveis da vez. Entenda, com essa coluna, o que se pode dizer sobre o caso de Lula nesse sentido e porque sua condição, ao fim e ao cabo, pode, por um certo aspecto, ser vista como igualmente poderosa.

#276 – Brasil: surviving horror

Saudações pessoas! Nesse episódio do Viracasacas Carapanã e Gabriel Divan fazem um apanhado dos acontecimentos da última semana. Começamos falando sobre o “debate” de Ciro Gomes e Gregório Duvivier e como o Ciro, que conseguiu fazer uma candidatura propositiva no clima bosta de 2018, parece não conseguir repetir o feito. Depois falamos sobre a infinitude de escândalos de corrupção envolvendo o “orçamento secreto”, a.k.a. “emendas de relator”, e as maracutaias de laranjas e bananas com a venda de estatais. Essa corrupção GENERALIZADA e DESCARADA agora é “do bem”. Não rende uma linha de indignação dos antigos “heróis” que arrasaram a política brasileira através da Lava Jato. Depois falamos sobre a visita de Elão Moska ao Brasil e o show de horrores, vergonha alheia e CRINGE diversos que os enricados brasileiros protagonizaram ao recebê-lo. Por hoje é só.

Dicas Culturais

(Jogo) The Long Dark

(Albúm) Ratos de Porão – Necropolítica

– –

Escute o Vira no seu agregador de podcasts preferido, em serviços de streaming como o Spotify ou diretamente do site do feed – podendo fazer download do mp3 se preferir em viracasacas.libsyn.com

– –

Expediente

Pai-Fundador: Felipe Abal

Apresentação: Gabriel Divan e Carapanã

Capas: Gui Toscan

Edição de Áudio: Thiago Corrêa & Estopim Podcasts

#275 – A Autocrítica do Vira no Multiverso da Loucura

Saudações pessoas! No episódio de hoje nós retomamos a discussão sobre política, esquerdas e voto nas eleições de 2022. Começamos refletindo sobre algumas críticas que recebemos de ouvintes e pensando alto sobre o ABISMO INFINITO no qual as direitas brasileiras jogaram o país.  Diante de tamanha injustiça, a ideia de corrigir o curso simplesmente elegendo um governo de centro-esquerda parece muito pouco. Se é que esse curso pode ser corrigido através de qualquer conciliação com uma elite mesquinha que não hesitou por um segundo em nos jogar nessa merda. E, no entanto, mesmo um governo de centro-esquerda dos mais tímidos causa horrores aos enricados brasileiros. Ainda dentro desse tema, falamos sobre os liberais que não hesitam em colocar o * ALHEIO na roda. Além da já famigerada defesa da liberdade de expressão das direitas mais extremas (daquelas que mataram dez nos EUA na semana passada) agora já temos diminutos morais como Vargas Llosa defendendo que o Brasil continue assolado pelas pragas que elegeu em 2018. Liberal fechando com a extrema-direita golpista na América Latina? Infelizmente isso é terça-feira… 

Dicas Culturais

(Jogo) The Forest

(Série) Lei da Selva: a História do Jogo do Bicho

(Filme) Hellbender

– –

Escute o Vira no seu agregador de podcasts preferido, em serviços de streaming como o Spotify ou diretamente do site do feed – podendo fazer download do mp3 se preferir em viracasacas.libsyn.com

– –

Expediente

Pai-Fundador: Felipe Abal

Apresentação: Gabriel Divan e Carapanã

Capas: Gui Toscan

Edição de Áudio: Thiago Corrêa & Estopim Podcasts

APARTE 011 – “Sem precedentes!”

Na coluna de hoje Gabriel explica rapidamente como funciona uma lógica de precedentes à brasileira, comenta rapidamente o caso Roe vs. Wade (que periga ser afastado pela Suprema Corte dos EUA), e como estamos – a passos meio tortos – caminhando para gerar, aqui em terras tropicais, um sistema importado que organiza, estabiliza (e engessa?) a jurisprudência.

#274 “Quem São os vilões?” – com Eduardo Lacerda e Etory Sperandio

Saudações Pessoas! Em mais um episódio da nossa parceria com o Sindipetro-ES, o Vira bate um papo com Eduardo Perez Lacerda, Diretor, e Etory Feller Sperandio, geofísico e Diretor de Comunicação, do respectivo órgão sindical. Na pauta, mais informações sobre a visível estratégia de desmonte que é, ela própria, a real operação de sucção (e corrupção!) dentro da Petrobrás, que consiste no esquema de privatização insana comandado pelo governo Bolsonaro na batuta de Paulo Guedes. Os convidados desmistificam o esquema de precificação por paridade internacional (PPI – Preço de Paridade de Importação) praticado desde o Governo Temer, o que é um excelente instrumento de gestão de valores que agrada acionistas – e lasca o povo – e igualmente um excelente veículo de propaganda da receita de sempre dos neoliberais de quermesse que assolam o país: privatizar, privatizar e privatizar!

Falamos sobre como essa estratégia de sucateamento opera desvalorizando o produto e a infraestrutura nacional, além de se escorar em esquemas bastante toscos de superfaturamento que fazem vibrar os abutres investidores gigantes e fazem a vida ficar cada vez mais como o meme: o BRASIL TÁ PIOR.

Dicas Culturais

(filme) O Capital – Costa-Gavras

(livro) Acionistas do Nada – O. Zaccone

(livro) Análise do sinal sísmico – A. Romanelli Rosa

(livro) De primatas a astronautas – L. Mlodinow

(livro) Lula, biografia – F. Morais

(documentário) The Last Truck – S. Bognar, J. Reichert

(livro) Radiografia do Golpe – J. Souza

(disco) AmarElo – Emicida

(disco) Versions of Me – Anitta

(jogo) Project Zomboid

– –

Expediente

Pai-Fundador: Felipe Abal

Apresentação: Gabriel Divan e Carapanã

Capas: Gui Toscan

Edição de Áudio: Thiago Corrêa & Estopim Podcasts

#273 “Redes, trabalhadores e memes”  – com Jairmearrependi

Saudações pessoas! No episódio de hoje recebemos a inigualável Jairmearrependi para uma conversa sobre redes sociais, trabalhadores e memes. Falamos sobre como o celular se tornou uma ferramenta de trabalho no mercado de trabalho precário do Brasil e como redes como Tik Tok e Kawai ganharam uma enorme tração durante a pandemia. Ali nesse ambiente, surge um monte de gente postando vídeo e dando na cabeça do pior governo do Brasil. Misturando denúncia, piada e memética da classe trabalhadora vai ali algo muito interessante. Também discutimos como rede social não é uma ágora, nem um fórum, mas um campo de batalha. Bora lutar! 

Alguns vídeos citados no episódio

êêêboi

comendo água

xingando o mito

transmazônica

Dicas Culturais

(Livro) Cultura da Convergência

(Quadrinho) Saga

(Livro) Os Supridores

(Série) The Walking Dead

– –

Escute o Vira no seu agregador de podcasts preferido, em serviços de streaming como o Spotify ou diretamente do site do feed – podendo fazer download do mp3 se preferir em viracasacas.libsyn.com

– –

Expediente

Pai-Fundador: Felipe Abal

Apresentação: Gabriel Divan e Carapanã

Capas: Gui Toscan

Edição de Áudio: Thiago Corrêa & Estopim Podcasts

APARTE 010 – “Um indulto sem graça”

No capítulo de hoje, Gabriel explica algumas coisinhas sobre o ato presidencial que visa esvaziar a autoridade da justiça brasileira, e sobre porque mesmo sendo ele ”privativo” do Presidente, não é algo que não é passível de algum controle em algum aspecto.

#272 “Mark Fisher e seus Fantasmas” – com Amauri Gonzo

Saudações pessoas! No episódio de hoje recebemos o grande Amauri Gonzo, editor na Ponte Jornalismo, para uma conversa sobre “Fantasmas da minha Vida: escritos sobre depressão, assombrologia e futuros perdidos”, livro de Mark Fisher recém-lançado pela Autonomia Literária. Mark Fisher, muito conhecido pelo livro “Realismo Capitalista”, foi um pensador capaz de articular como ninguém o marxismo, o cyberpunk e a cultura pop inglesa. Fantasmas da Minha Vida é uma coletânea de artigos sobre música, filmes e a vida na Inglaterra pós-Thatcher, um instrumento de bordo para entender a emergência do pós-punk e sua relação com a paisagem desindustrializada britânica. Nesse episódio discutimos a vida e obra de Mark Fisher, seu legado para os movimentos de esquerda contemporâneos, e que lições podemos aproveitar nesse nosso contexto terceiro mundista. Como em Realismo Capitalista o grande tema do livro é o “lento cancelamento do futuro” à partir do declínio do Estado de Bem Estar Social, mas dessa vez visto sob uma perspectiva mais pessoal, descritiva e musicalizada. Clica aí, porque tão importante que poder lutar é poder sonhar com dias melhores.

Links

Adquira “Fantasmas da Minha Vida” na loja da Autonomia Literária

Leia Fantasmas da Minha vida escutando cada música ou artista citados no texto.

Dicas Culturais

(Artista) Burial

(Documentário) Extermine Todos os Brutos

(Álbum) Portishead – Live at Roseland NYC

– –

Escute o Vira no seu agregador de podcasts preferido, em serviços de streaming como o Spotify ou diretamente do site do feed – podendo fazer download do mp3 se preferir em viracasacas.libsyn.com

– –

Expediente

Pai-Fundador: Felipe Abal

Apresentação: Gabriel Divan e Carapanã

Capas: Gui Toscan

Edição de Áudio: Thiago Corrêa & Estopim Podcasts

#271 – Sommeliers de Lulismo: a Autocrítica que VEIO AÍ

Saudações pessoas! Nesse episódio do Viracasacas Gabriel Divan e Carapanã discutem um fenômeno muito típico dos anos Lula: um tal de “antipetismo de esquerda”. Aquela era uma época na qual o jovem de “mais ou menos de esquerda” tinha tanta fé nas conquistas sociais e na democracia brasileira que se dava ao luxo de criticar PRA CARALHO os governos do Barba. Também falamos sobre os antigos coaches da falecida TERCEIRA VIA que agora escrevem colunas, dia e noite, sobre como o Lula deveria, sei lá, ceder o primeiro lugar para o Moro e ir implorar o apoio que a Farinha Lima jamais daria para ele. Além disso discutimos como o Bolso-morismo criou um “petismo imaginário” no qual os anos nos quais o brasileiro vivia bem são pensados como algo propriamente errado ou complicado. No final, só chegamos à conclusão mais uma vez que, apesar de qualquer tropeço ou tombo, o Brasil era feliz demais na Velha Nova República presidida pelo Partido dos Trabalhadores. Que venha o TERCEIRÃO

Dicas Culturais

(Animação) A Lenda de Vox Machina

(Filme)  X

– –

Escute o Vira no seu agregador de podcasts preferido, em serviços de streaming como o Spotify ou diretamente do site do feed – podendo fazer download do mp3 se preferir em viracasacas.libsyn.com

– –

Expediente

Pai-Fundador: Felipe Abal

Apresentação: Gabriel Divan e Carapanã

Capas: Gui Toscan

Edição de Áudio: Thiago Corrêa & Estopim Podcasts

Acima ↑